fazendo as malas

Estou indo embora.

É de conhecimento de alguns que a algum tempo eu estou me preparando para sair de casa. E já que pra mim seria um belo desafio sair de casa eu resolvi torna-lo ainda maior: sair também do pais.

Eu fiz essa escolha por uma grande quantidade de questões que vão desde o aspectos profissionais até pessoais. Fica mais fácil pra mim dizer que eu não estou indo por não amar meu país, amar minha família ou amar meus amigos. A quase um ano eu tenho me empenhado muito nisso, batalhei um bocado, comi minha fatia no tal pão-que-o-diabo-amassou, me privei de muitas coisas e tive que fazer minhas escolhas e colher suas conseqüências. Isso é a vida, fazer escolhas.

Durante essa preparação houveram algumas alterações nos meus planos. Inicialmente eu iria pra Bélgica. Então eu recebi uma proposta muito boa mas eu recebi uma proposta muito boa para trabalhar na capital dos Estados Unidos, Washington DC. Vou trabalhar no BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). Isso por si só já seria muito legal mas é também um projeto na área do meio ambiente, uma rede social de ligada ao mercado de  créditos de carbono como espaço para troca de conhecimentos e informações. Eu estou na equipe que vai viabilizar tecnicamente essa rede. É muito gratificante saber que eu vou trabalhar num projeto que vai colaborar na preservação do planeta.

Você pode estar perguntando como isso aconteceu. Eu posso adiantar uma comentários acerca de uma realidade que eu tenho percebido a algum tempo. O sucesso é feito de competência e sorte. Dessa vez fui eu o cara certo, na hora certa no lugar certo. Isso explica mais ou menos a coisa toda.

Já se foram quase dois meses planejando tudo, saindo do meu antigo emprego, resolvendo muita papelada, tirando todos os documentos (eu perdi quase todos os documentos que se pode imaginar quando eu estava na europa ano passado). Estou chegando aos últimos passos antes do salto de paraquedas. Estive em Brasília me apresentando na embaixada dos Estados Unidos para as questões relativas ao visto americano. Felizmente é um tipo de visto (G-4) concedido para organizações internacionais como o BID que facilitou muito o processo pra mim. São muitos detalhes para uma mudança como essa já que estou indo sem previsão de quando voltar. Moradia, seguro de saúde, passagem, transporte, moeda, milhares de documentos… mas o mais difícil talvez seja confrontar essa mala e colocar toda minha vida (material) lá dentro. A idéia é levar um punhado de roupas, uns remédios, umas lembranças e o resto eu reponho por lá. A tranqüilidade vem de saber que as coisas realmente importantes não se pode tocar nem por numa mala.

Agora me restam só alguns dias em Fortaleza mas pra falar a verdade minha despedida já começou a muito tempo atrás. Muitos amigos transformaram esses últimos meses não só numa despedida incrível e em muita experiência. Levo isso também na bagagem, boas lembranças e saudades.

Vai ser a minha oportunidade de (re)começar. De melhorar meu inglês e aprender espanhol. Aprender a me virar completamente sozinho. Ralar uma grana pro mestrado. Mergulhar numa outra cultura e outro mundo. Cultivar novas amizades. Viajar. Crescer.

29 thoughts on “fazendo as malas

  1. Isso ae maluko! Tem que ter muito culhão pra tomar uma decisão dessas. Parabéns pela coragem. Vai trabalhar com o Fabiano (Cruz)? Sucesso por lá!

  2. Trilhei esse mesmo caminho há 6 anos atrás e posso te dizer que você está vindo pra uma cidade fenomenal e uma empresa muito interessante de trabalhar.
    O que precisar de ajuda por aqui, avise! :)

  3. desde já deixo os meus votos de boa sorte e digo para que agarre essa oportunidade. acredito que sair do país e morar só são duas experiencias essenciais a qualquer pessoa… imagine juntar as duas de uma vez só! vai dá tudo certo, depois quero te visitar lá, viu? boa viagem =*

  4. Wow, que legal! Não sabia, nem fazia ideia disso hehe.
    Fico bastante feliz com essa oportunidade que vc conseguiu, parabéns mesmo :)

    Serve como exemplo para mim, e muitos outros que estão começando a faculdade ainda agora, mostrando que com competência como vc mesmo disse, se vai longe.

    Lembro da palestra no CESOL(que no tempo era com S) que vc deu sobre Desktop Linux e que comecei a acompanhar a partir do blog teu antigo no wordpress, passando pelo EPTM e agora nesse. Vou começar a estudar bastante e dar umas palestras sobre Linux pra ver se daqui a uns 5 anos moro nos EUA ;)

    Mais uma vez parabéns!

  5. Aê Silveira! Parabéns cara.\o/
    Fiz uma escolha semelhante no final dos 17 anos, quando começei a graduação e vi morar Fortaleza no programa de residências universitárias da UFC com apenas R$ 80,00 pra começar a me virar (já sai do programa). Posso te dizer que morar fora da casa dos pais foi (e ainda está sendo) um desafio muito gratificante. :-)
    Boa sorte nessa escolha, rapaz!
    Abraço! :-)

  6. Já sabia dessa mudança e desde o momento que você me comunicou fiquei bastante feliz, por você ter conseguido alcançar mais esse degrau de sucesso na sua vida e por eu admirar bastante o seu trabalho, esforço, desempenho e dedicação pelo que faz.

    Te desejo sorte e muito sucesso! Grande abraço!

  7. Parabéns Silveira, você merece isto. Tenho certeza que foram horas de dedicação e trabalho que muitas pessoas não estão dispostas a pagar. Muitas felicidades e sucesso nesta sua nova jornada. Se a vida é feita de escolhas e a nossa vida nos define, podemos dizer que as nossas escolhas nos definem como pessoa. Lembre-se sempre do tipo de pessoa que você quer ser ou é. Deus te abençoe em seu trabalho, e, boa viagem, amigo.

  8. Cara, meus parabéns! Desejo-te sorte e sucesso… Você sabe que logo logo esse seu carisma e competencia vão te trazer algo muito bom nestas terras gringas. hehe

    ps. Desde já espero que prepare um bom couch (pelo menos) para quando formos te visitar. =D

    Abraço e boa viagem!

  9. Man, I’ve read your blog for like 2 years. Having left the U.S. to move to Lisbon and do what I love, I can tell you; you’re making a great move. I wish you the best of luck.

  10. Ae, Silveira! Parabéns.
    Sucesso ai nessa sua nova jornada. Tenho certeza que dará tudo certo, e que será uma excelente experiência tanto profissional como pessoal. Enjoy!

  11. Boa viagem!
    Espero que retorne em breve, como eu te disse há muito tempo atrás, sempre apostei muito em você, você é um daqueles caras fora-de-serie que sempre tem algo a agregar.
    O Ceará perde mais um excelente talento!

  12. Parabéns Silveira!!

    Fiquei muito feliz com a noticia e ao mesmo tempo triste por saber que nosso mercado e meio acadêmico está se despedindo de um grande professional.

    Boa sorte nessa jornada!

  13. Boa, Silveira!
    Parabéns cara! Tudo de bom e maravilhoso em sua vida. Nesse emaranhado de clichês que são as frases de despedida, é certo aqueles que nos lembra que o caminho de ida termina em volta do primeiro passo!

    Quando menos esperarmos seremos brindados com uma super palestra sua de com uma visão ainda mais ampla de mundo e profissional! Já que és um cara que compartilha aquilo que aprende da melhor maneira que o mundo precisa.

    SUCESSO!

  14. Poxa cara, parabéns. Nem imaginava, tomei um susto quando li o post. Boa sorte pra ti e lembre-se que você é um grande exemplo pra todos nós. ‘Silveira’ pra mim sempre foi sinônimo de top. Vai com tudo..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *