Skip to content

Category: português

O dia seguinte

Existem muitas semelhanças entre o que está acontecendo agora no Brasil com o que aconteceu no EUA em 2016. São duas situações bem diferentes, com personagens bem diferentes, mas certas coisas continuam acontecendo com uma similaridade impressionante. Se as coisas continuarem assim, existe um momento que a violência que você lia a respeito começa a acontecer com um conhecido de um conhecido. Depois ela acontece com alguém que você conhece. Depois ela acontece na sua frente, depois ela acontece com você.
Dia 7 do Inktober 2018, tema: exhausted

Integridade física

Se você testemunhar algum tipo de agressão ou assédio, resista ao instinto de permanecer em choque. Ainda que não seja ainda um agressão física, avalie a situação, as quantidades e a dinâmica. Nós humanos temos comportamento de manada, as vezes ficamos atônitos diante do absurdo, mas se uma pessoa demonstrar bom senso, outras vão seguir.

  1. Inicialmente pelo menos ignore o agressor, converse com a vítima, fale pra vítima que você está ali do lado dela.
  2. Se coloque fisicamente do lado da vítima, se ela estiver sentada, sente-se ao lado dela.
  3. Se a vítima estiver em choque, converse com ela, um assunto não relacionado ao que está acontecendo naquele momento.
  4. Ignore o agressor. Tente desescalar a situação.
  5. Se outra pessoa não estiver afastando o agressor, ou se eles te excedem e a situação não é mais segura, converse com a vítima pra ela acompanhar você pra fora da situação, escolte a vítima para um lugar seguro.
  6. Lembre-se que numa situação de agressão as técnicas e objetivos de um debate não vão funcionar. Procure ser você o bastião da calma e do bom senso, e sobreviva pro dia seguinte.
  7. Se não for possível buscar as autoridades durante o momento, você pode fazer um boletim de ocorrência em seguida. Em alguns estados é possível fazer isso online.

Vagamente inspirado no guia da ilustradora Marie-Shirine Yener

Integridade mental

É preciso lutar mas a luta tem seu preço. Quando a luta é continua e repetida, o preço também é contínuo e repetido.

Se você estiver passando por dificuldades, você não precisa passar por isso sozinho e assim como para todos os problemas que afligem a nossa existência, há ciência e técnicas que podem te ajudar. Se seu carro quebrar, sua cabeça vai te dizer pra chamar um mecânico. Se seu braço estiver doendo, sua cabeça vai te dizer pra chamar um médico. Mas o que acontece quando sua cabeça não está bem? Você pode confiar nela pra te dizer o que fazer? Não, e por isso é importante ter um plano de ação que você possa usar como referencia caso isso aconteça.

Se você ou alguém que você conheça estiver em uma emergência o número do CCV (Centro de Valorização da Vida) é 188. A ligação é gratuita de telefones fixos e celulares. Em algumas cidades o CCV também dispõe de centros de atendimento presencial. Dentro do SUS (Sistema Único de Saúde) existe o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) que é público e gratuito. Se sua cidade não possui uma modalidade do CAPS, procure o atendimento do SUS.

Se você tem um plano de saúde privado, liga pra eles e pergunte quais são suas opções de acesso a um profissional da área da psicologia. É da mais absoluta importância procurar ajuda especializada de um profissional quando se tem um problema e não há nenhuma vergonha nisso, pelo contrário, é um gesto de humildade e grandeza.

Você precisa sobreviver para o dia seguinte. Resistir, se juntar, juntar a resistência, se inspirar, se organizar, lutar.

Cedilha no Ubuntu 16.04

    çççç
  ççç  ççç 
  ççç  ççç 
  ççç 
  ççç 
  ççç  ççç 
    çççç
     çç
    çç

Fiz esse script (cedilha.sh) pra fazer o c-cedilha (ç) funcionar no Ubuntu 16.04. Como é uma tarefa chata que eu já tive que fazer muitas vezes fica mais fácil pra mim ter um script pra fazer isso e pode ser que seja útil a outras pessoas. Infelizmente é uma solução que exige baixar e executar como root um script da internet. Eu recomendo que você leia o script e entenda o que está acontecendo antes de executá-lo. Esse script altera vários arquivos importantes e ele faz um backup (.bak) desses arquivos.

wget https://raw.githubusercontent.com/silveira/cedilha.sh/master/cedilha.sh
sudo bash cedilha.sh

Por favor, se o script funcionou pra você também, diga nos comentários. Se você não está usando Ubuntu 16.04 e quer testar o script ainda assim, edite o script e remova a verificação no inicio do programa.

e agora [jJ]os[eé]?

$ sudo apt-get install python-pdfminer
$ wget http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/wp-content/uploads/sites/41/2015/07/relatoriotelefonemarceloodebrechtok1.pdf
$ pdf2txt relatoriotelefonemarceloodebrechtok1.pdf  | grep -ne '[jJ]os[eé]'
709:referência  a  Jose  Eduardo  Senise  ou  a  Jes  Staley,  do  J.P.Morgan  e  JW  é  Jaques 
870:Correa), José Serra (Senador), Cesar Mata Pires (OAS) e Miguel Gradin.  
890:Identificação de Jose Serra (JS) o telefone da secretária (11) 3087.1450 está 
891:registrado  em  nome  de  Jose  Serra,  o  endereço  da  Joaquim  Antunes,  possui  telefone 
892:(11) 2157.2104 registrado em nome de Jose Serra. 
1318:possivelmente  a  Guido  Mantega  e  José  Eduardo  Cardoso,  contudo  não  é  possível 
1371:de  José  Serra,  como  já  visto  anteriormente,  e  em  seguida  consta  a  anotação  “IPI  até 

A poesia está guardada nas palavras

“A poesia está guardada nas palavras – é tudo que eu sei.
Meu fado é o de não saber quase tudo.
Sobre o nada eu tenho profundidades.
Não tenho conexões com a realidade.
Poderoso para mim não é aquele que descobre ouro.
Para mim poderoso é aquele que descobre as insignificâncias (do mundo e as nossas).
Por essa pequena sentença me elogiaram de imbecil.
Fiquei emocionado e chorei.
Sou fraco para elogios.”

Tratado geral das grandezas do ínfimo, Manoel de Barros

um brinde

Um bom motivo pra tomar uma hoje: há exatos 80 anos atrás era descriminalizado o consumo de álcool nos Estados Unidos.

É bem verdade que a descriminalização não eliminou os efeitos do abuso do álcool. Por outro lado conseguiu o que o que todo o aparato policial, jurídico e carcerário não conseguiu, acabar com os traficantes. O calcanhar de aquiles do crime organizado era justamente a economia. A mesma proibição que tentava inocuamente lhes destruir também lhes dava na prática um monopólio garantido pelo Estado. A sociedade escolheu devolver ao indivíduo a liberdade de fazer o bem ou o mal a si próprio (por exemplo, o alcoolismo) e criminalizar apenas a possibilidade de fazer mal ao próximo (por exemplo, dirigir alcoolizado). Admitiu-se o que hoje nos soa como óbvio: os males do consumo recreativo de álcool são muito inferiores aos males da proibição em si.

Eastern State Penitentiary, Philadelphia, Pennsylvania.
Replica da cela de Al Capone na Eastern State Penitentiary, Philadelphia, Pennsylvania. CC-BY-SA.

Um brinde, com a bebida alcoólica de sua escolha, preferencialmente não clandestina, produzida dentro de parâmetros de qualidade definidos pela sociedade, obtido em uma transação devidamente tributada pelo Estado, consumida por um adulto e de maneira responsável.

Saúde!