silveira neto

carbon-based lifeform. virgo supercluster

Menu Close

SHA1 em Python

Calcular o SHA1 de uma string em Python é feito quase da mesma forma do calculo do md5 que eu já mostrei aqui antes.

A partir da versão do Python 2.5 a maneira correta de se fazer é assim:

import hashlib
print hashlib.sha1('Silveira').hexdigest()

Isso vai imprimir isto:

25e58a0147633e39c2a2fcceff9a13a181e672b9

Para fazer o calculo do MD5, também se usa a hashlib:

import hashlib
print hashlib.md5('Silveira').hexdigest()

Que vai nos dar o md5 da string ‘Silveira’:

43eb9e4547c642db6cd19713b5c1dff2

O módulo hashlib possui os contrutores md5(), sha1(), sha224(), sha256(), sha384(), e sha512(). Dependendo da implementação da OpenSSL que você tem instalada você poderá ganhar alguns outros construtores.

Maiores informações: documentação da hashlib

© 2016 silveira neto. All rights reserved.

Theme by Anders Norén.