Sem dúvida os post-its nos tornam mais ágeis e são indispensáveis para metodologias que fazem uso de dashboards como Scrum. Mas o que fazer com as toneladas de post-its que são gerados e descartados? E o impacto ambiental? E o meio ambiente? E as araras-azuis?

Eis minha intervenção artística no escritório. Bug Invaders (sugestão de nome do Diego “Diegão” Andrade), nada mais justo já que umas das funcionalidades dos post-its é manter um rastro dos bugs e issues em aberto.

  • Lixo é ressignificado em arte (ao menos por um período antes de virar lixo outra vez).
  • Deixa o ambiente mais divertido.
  • Pixel art! Foram gastos 48 pixels.
  • Nostalgia.